sexta-feira, 11 de junho de 2010

curetagem fazer ou não fazer


CURETAGEM FAZER OU NÃO FAZER!?!

Se seu aborto aconteceu no fim do primeiro trimestre, ou se você descobriu que o bebê parou de crescer e ainda não tem sinais de abortamento, o seu médico pode perguntar se você quer se submeter a uma operação chamada Curetagem. É uma pergunta muito difícil de responder, cuja resposta é muito pessoal, de mulher pra mulher. Veja abaixo considerações sobre fazer ou não a cirurgia.

Razões para fazer uma curetagem

- Acelerar o processo do aborto: Esperar por um aborto natural é uma experiência emocial horrível de se passar. Você sabe que o seu bebê ainda está no útero, mas não há mais esperanças para um nascimento. Pode levar horas ou semanas depois que você descobre a má notícia antes que você comece a sangrar. Não há como saber. Enquanto isso, em vez de esperar alegremente pelo seu bebê, você ficará esperando expelí-lo.

- Seu médico pode fazer um teste genético no bebê: Se é a primeira perda, seu médico pode preferir não fazer esse exame, mas com certeza você deve perguntar sobre isso se já abortou mais de uma vez. Muitos médicos têm a tendência de supor que todos abortos são causados por anormalidades genéticas, mas pesquisas mostram que isso não é verdade em 40% dos casos. Se você testar o bebê, saberá se essa coisa causa ou não, e se não for, poderá pedir outros exames.

- Você não precisará ver o que vai sair: Geralmente usa-se anestesia geral para a curetagem e você não precisará ver nada do que o médico vai tirar de você. Se você esperar por um aborto natural, e tiver mais de seis ou sete semanas, há uma chance de ver o que resta do seu bebê sair... e isso pode ser uma experiência traumática.

- Menos dor física: Um aborto natural pode ser doloroso. Na maioria dos casos não é, mas pode vir acompanhado de cólicas bem fortes. Depois de uma curetagem, a dor física é mínima.


Razões para não fazer uma curetagem

- O procedimento é invasivo: Você terá que ser internada num hospital para fazer a curetagem. Apesar de talvez não precisar passar a noite no hospital, o processo todo pode ser estressante e você poderá ficar bem emotiva antes e depois da operação.

- O procedimento é desagradável: Em sua essência, uma curetagem é um aborto. Não é a mesma coisa que terminar uma gravidez de propósito, cláro, mas o processo é bem semelhante. Eu cometi o erro de ler meu prontuário, que tinha uma nota do médico sobre a curetagem da minha segunda perda, e isso me fez chorar: a frieza e terminologia impessoal do que eles tiveram que fazer comigo.

- Pode have complicações: Há um risco mínimo de complicações, como perfuração no útero e outros problemas da operação. É pequeno, mas não é inexistente. Às vezes, alguns médicos não conseguem remover tudo, e o procedimento deve ser repetido.

- Você deve ter que esperar mais tempo para engravidar novamente: Os médicos dizem que isso varia, alguns dizem que deve-se esperar apenas um mês após um aborto natural, e a maioria concorda que você deve esperar pelo menos DOIS ciclos depois da curetagem para permitir que o seu útero se recupere e reduza as chances de um segundo aborto.

- O impacto psicológico pode ser grande: Não subestime esse fator quando fizr sua escolha. Isso varia muito de mulher pra mulher, mas conversei com algumas mulheres por internet que sentiram como se o médico arrancasse seus bebês de seus úteros, apesar do feto não ser mais viável. Se você acha que vai ter um impacto negativo nesse sentido, um aborto natural pode ser menos doloroso emocionalmente para você.

16 comentários:

francisuearai@hotmail.com disse...

OIIII QUE LINDO O TEU BLOG!!!OLHA SÓ ACONTECEU COMIGO RECENTEMENTE, TIVE UM ABORTO RETIDO E TIVE QUE FAZER CURETAGEM, FIZ AQUELA CURETAGEM AMIU, MAS AGORA QUE ESTOU COM CINCO DIAS QUE FIZ, SINTO TANTAS DORES QUE PARECE AQUELA DOR DE APENDICITE ESTOURADA...TO MAL..ABRAÇOS!!!!

Ruth disse...

Olá,boa noite...
Adorei o blog...Muito recentemente,passei por um aborto retido...fim medicação,após á 4 dias atrás fui fazer uma ecografia e tenho ainda uma coisa minima...o obstetra,falou-me na curetagem...mas até agora eu me arrepio!!!Não quero entrar no bloco de partos!!!Tenho noção que lá é para viver uma plena felicidade de ver um filho nascer!!!Sempre que lá entro,pois é o meu segundo aborto não me contenho de lágrimas...É triste, olhar para todas aquelas mães,esperando a sua estrelinha ou com ela já nos braços e eu???Sem nada!!Apenas com uma dor enorme no peito...um nó na garganta!!!...Por vezes o mundo é muito injusto!!!Espero um dia conseguir a minha estrelinha...até lá...só a dor de 2 abortos...
Obrigada...felicidades...bj.

KAMILA KARLA disse...

Fiz uma curetagem há 3 dias e ainda sangra e doi muito... e como diz a amiga ai encima ... é dificil você ficar com mulheres que vão dar a luz e vc vai perder seu bebezinho... uma experiencia traumatica... ainda cinto dor e sangra... mais vou esperar pelo menos 4 meses para o prox... ainda sinto falta de conversar com meu anjinho... que por algum motivo me deixou sem ao menos eu ver seu rostinho....
beijos

Kamila Karla

nanda disse...

sinto muito Kamila...essa dor da perda realmente nada resolve...as pessoas acham q a dor é fisica da curetagem mas a dor é fisica,mental,emocional td da perda...te deixo um abraço bem apertado e conte comigo sempre que precisar.
que Deus te de o conforto.

thaiz disse...

Meu nome é Thaiz, e também passei por esta experiência horrível, que não desejo a ninguém. Entrar numa maternidade pra ao invés de ganhar um filho é pra perdê-lo, me sinto péssima, choro muito e principalmente quando passo a mão na barriga e não sinto meu filho. Havia três anos que estava tentando ser mãe. Então o que tenho a dizer pra vcs é procure força naquele que é o Deus todo poderoso, pra que ele alivie a dor, pois nem se quer ter a oportunidade de ver o rostinho de um filho é um trauma que vai ficar pro resto da vida. Hoje faz duas semanas que arrancaram pela curetagem meu anjinho. Beijoooo

nanda disse...

olá thaiz! sinto muito pela perda do seu bêbe..realmente é a coisa masi triste que alguém pode imaginar a dor é incalculavel...te deixo meus sentimentos e precisando volte e conte comigo,te deixo meu abraço bem apertado! força ai viu,logo a dor vai passar embora a gente pense que não passa nunca,esquecer jamais mas vamos aprendendo a viver.

Anônimo disse...

eu sou Wanny, passei por isso a dois dias, na sexta descobri que esperava gêmeos, quase no final do primeiro trimestre de gestação, após dois episódios de sangramentos sem muita importância, em casa o aborto espontâneo começou, ao final de uma hora no banheiro, após uma cólica horrível, tudo se foi, com meus anjinhos...como não parava de sangrar, improvisei com toalhas e fui levada as pressas ao hospital pelo meu marido, lá entrei em choque anafilático, em seguida tomei raquia e fui submetida a curetagem...tirou muito pouco, tudo ja havia ficado em casa mesmo...após a anestesia, fui liberada no dia seguinte, hoje após dois dias, estou triste, as vezes choro, as vezes penso que tive um Pai que cuidou de mim, por ainda estar aqui...experiência terrível, emocional, fisica e mental...só Deus...

nanda disse...

wanny sinto muito pela perda dos seus bebês,infelizmente essas coisas acontecem..está muito recente sua perda e sei que a ficha não deve ter caído direito,a gente passa por momentos de não aceitar,não acreditar...ai vamos buscar sobre o assunto na net,achamos tantas coisas,tantos casos,tantas pessoas sofrendo da mesma dor...são momentos de dor na alma,bate um desespero...mas te falo uma coisa alivia,algumas vezes vem a dor forte,outras entendemos que precisamos seguir...não se culpe e ser forte nesse momento é meio difícil mas força,fale no assunto sempre que sentir necessidade e guarde para você quando achar que consegue..as pessoas que nunca passaram por isso não entendem,então me coloco a sua disposição...precisando me chama.
forte abraço!

Anônimo disse...

Descobri com 11 semanas que havia perdido meu bb com 8 semanas,apos secrecções marrons

Anônimo disse...

Acabei de passar por essa experiência mt triste e desagradável hj....me senti mal na madrugada de ontem e assim que o dia amanheceu o dia sai sozinha debaixo de chuva e frio e procurei ajuda médica..estava gestante de dez semanas...fui examinada e a princípio somente uma suspeita de ameaça aborto..fiz usg e o abortos estava retido...já estava internada...passei o dia com dor..numa segunda opinião médica ela resolveu esperar devido a um único resultado de usg ...em outro plantão médico foi pedido outro exame e depois da confirmação foi feito a curetagem....além da dor física extrema ainda dói a alma...sinto um vazio e uma dor imensa em saber que meu pequeno bebê não está mais aqui...estava em um lugar com pessoas felizes a espera do bebê..eu perdi o meu..triste e chorando demais.Carla

nanda disse...

Carla sinto muito ...conheço bem essa dor que você está sentindo,que Deus conforte seu coração e precisando estou a disposição.
forte abraço!

Barbara Dantas disse...

É exatamente assim que me sinto...apesar de saber que ele não tinha mais vida, a sensação que tenho é que sugaram ele de mim...e que eu poderia ter dado tempo de um milagre acontecer! É reconfortante dividir com vocês essa dor...quem está de fora acha que devemos ser fortes e que aconteceu pq foi a vontade de Deus! Eu confio na misericórdia Dele e sei que fez o melhor...mas daí eu agir como se nada tivesse acontecido....

nanda disse...

Barbara eu tenho fé em Deus e acredito que ele não quer nosso sofrimento,sei que foi permissão dele mais jamais castigo,como já ouvi de algumas pessoas,Deus é pai,é amor é perdão...as pessoas falam cada coisa,até mesmo as que permanecem caladas,eu até hoje colho frutos ruim de palavras que me lançaram,mas a vida segue,com dor e com aquela sensação de que acordamos de um pesadelo...fique na paz e volte sempre que quiser.

Neila disse...

EU PREFERI NÃO FAZER A CURETAGEM Todas aqui sabemos bem como doi perder um filho, perdi meu 1º bebe com 9 semanas, isso aconteceu 2/8/13 1 dia após ser aprovada a lei de legalização do aborto, triste né agente querendo tanto ter um filhinho(a) e mães matando os seus. A minha médica me indicou não fazer a curetagem por vários motivos, hoje esta fazendo 1 mês que tudo aconteceu e ainda estou sangrando e tendo algumas cólicas, mas não me arrependo pela opção da não curetagem.

Anônimo disse...

Meninas...é muito dificil, nossa!! Fui fazer eco na ultima quinta feira...e a medica nao conseguiu escutar o coração...ela disse nao tenho boas noticias..parei ..e ela concluiu...comecei a chorar...nossa como doi....doi muito...estou firma na promessa de Deus....fique na paz....

nanda disse...

sinto muito.... que Deus conforte seu coração..receba meu abraço virtual e precisando me procure...Deus te dê forças.